Paladar

Comida

Comida

Jean Vergnes morre aos 88

27 abril 2010 | 19:10 por oliviafraga

(Foto: Divulgação)

O chef francês Jean Vergnes, um dos sócios do restaurante Le Cirque, em Nova York, morreu na semana passada na Flórida. A notícia foi confirmada pelo filho de Vergnes, Roger.

Aposentado desde 1987, Vergnes fez história no lendário Le Cirque nos anos 1970, o restaurante das estrelas e dos emergentes na cidade – nomes que foram imortalizados na obra A Fogueira das Vaidades, de Tom Wolfe.

Em sua França natal, Jean Vergnes trabalhou no bistrô que pertencia a uma tia-avó, em Grenoble. Foi preso pelos nazistas, serviu nas minas de Longwy, em Lorraine, fugiu do campo de trabalhos forçados e serviu no Exército francês na Segunda Guerra.

O empresário Sirio Maccioni o descobriu trabalhando no restaurante Maxwell’s Plum e o convidou para ser seu sócio no Le Cirque, casa criada no lugar do restaurante Colony, um antigo speakeasy que fez história entre os novaiorquinos.

O chef fez ainda mais história. Foi ali que Vergnes criou a lendária receita do espeguete primavera, “o prato mais famoso de Manhattan”, segundo Craig Claiborne e Pierre Franey, do New York Times. À época houve briga pela autoria do prato. Vergnes, que se dizia criador da receita com vegetais e legumes de primavera em um consommé, preferia não brigar. Declarava que odiava tanto o prato que sua equipe o preparava no corredor.

Ficou com água na boca?