Paladar

Comida

Comida

Mandioca e outras rotas

A mandioca estrela o mais novo roteiro da operadora de turismo Laboratório do Sabor, especializada em tours gastronômicos. Criada por Ricardo Frugoli, aposta em itinerários dedicados a um único produto gastronômico, no Brasil ou no exterior. Entre eles, uma visita à Bahia percorre a rota do cacau, em Ilhéus. O dendê também está no roteiro nacional, com visita ao Recôncavo Baiano.

08 outubro 2014 | 17:46 por mariliamiragaia

FOTO: Werther Santana/Estadão

A rota da mandioca, que passa por Belém e Bragança, no Pará, tem saída mensal e já foi percorrida por dois grupos, que visitaram produtores de diferentes tipos de farinha de mandioca, como a de Bragança e aprenderam como é feito o paneiro (o cesto que guarda a farinha) e o tucupi (líquido extraído da mandioca-brava).

Frugoli resolveu ampliar a oferta de roteiros gastronômicos além das manjadas visitas a vinícolas ou restaurantes estrelados. Os próximas rotas, que estão em vias de ser lançadas, são do queijo da Canastra, em Minas Gerais, e dos célebres queijos de massa mole da Serra da Estrela, em Portugal. As viagens ao exterior incluem ainda o roteiro dos chillis no México, que terá como anfitriã a cozinheira Lourdes Hernández, que viveu vários anos no Brasil e acaba de voltar ao país. As saídas são previstas para 2015.

Friuli sempre gostou de viajar e comer. Mas, além da experiência com turismo, também comandou por 12 anos uma produtora musical que atendia nomes como Gal Costa e Naná Vasconcelos. Decidiu mergulhar no universo da comida (ele se formou chef) depois da morte da cliente Mercedes Sosa. “Tive de fazer algo para mudar aquele estado de tristeza.”

SERVIÇO

Laboratório do Sabor

3256-5524

Rota da Mandioca 

Saídas mensais

A partir de R$ 2.900, sem passagem

>>Veja a íntegra da edição do Paladar de 9/10/2014

Ficou com água na boca?