Paladar

Comida

Comida

Omelete com vatapá vai bem

Daniel Telles

26 dezembro 2012 | 22:05 por danielmarques

Repórter do Paladar

1. A Arte Culinária na Bahia

Autor: Manuel Querino

Editora: WMF Martins Fontes

(88 págs., R$ 29,80)

Pedro Archanjo, personagem de Jorge Amado, nasceu inspirado na esperteza de Manuel Querino. E é de “Arte Culinária…” que sai boa parte das receitas da história de Tenda dos Milagres.

2. A Fisiologia do Gosto

Autor: Brillat-Savarin

Editora: Companhia das Letras

(352 págs., R$ 64)

O jurista francês disse o óbvio antes de se tornar óbvio. Pode ser tedioso ler que paladar e olfato se comunicam, mas é fantástico acompanhar como se chegou a tal conclusão.

3. O Cru e O Cozido

Autor: Claude Levi-Strauss

Editora: Cosac Naify

(445 págs., R$ 95)

Categorias como cru e cozido, fresco e podre, molhado e queimado já nos parecem tão naturais e imediatas que esquecemos que elas foram definidas. No primeiro livro da série “Mitilógicas”, o antropólogo francês usa mitos contados por índios brasileiros para mostrar que essas categorias empíricas são definidas a partir de pontos de vista de uma determinada cultura. É cozinha cabeção.

4. Balzac’s omelet

Autora: Anka Muhlstein

Editora: Other

(256 págs., US$ 13,32)

Entenda os personagens do francês pelos cafés que eles frequentavam. Aproveite para saber qual café frequentar se estiver prestes a se tornar balzaquiana pelas ruas da capital francesa.

+ Veja todas as estantes da equipe do Paladar

5. Ad Hoc At Home

Autor: Thomas Keller

Editora: Artisan

(368 págs., US$ 30,83, Amazon)

Receitas para quem não tem Termomix ou quer deixar o entendimento de moléculas e ingredientes da moda de lado. Como grelhar bem um hambúrguer ou servir saladas estão no livro como estão no Ad Hoc, restaurante do autor

6. Fome de Paris

Autor: A.J.Liebling

Editora: Ediouro

(252 págs., Esgotado)

Liebling foi um dos maiores jornalistas da história, e talvez um dos melhores glutões. Bem humorado e erudito, o americano, que fez fama na New Yorker, percorre Paris pela comida, acompanhado de personagens tão bons de garfo quanto ele e por memórias deliciosas.

7. Food Rules

Autor: Michael Pollan e Maira Kallman (ilustração)

Editora: Penguin

(240 págs., US$ 15,82, Amazon)

“Aquilo que sua avó não reconheceria como comida não deve ser comido por você”. São regras assim que michael pollan cria para comermos melhor e com mais saúde. É mais fácil que contar pontos ou gravar nomes de substâncias que emulam sabores.

>> Veja todos os textos publicados na edição de 27/12/12 do ‘Paladar’

Ficou com água na boca?