Paladar

Comida

Comida

Queijo mineiro é tema de exposição no centro de São Paulo

Busca do gado pelo pasto, ordenha, fermentação, maturação, venda. Todo o processo da produção do queijo artesanal mineiro é contado na exposição Rota do Queijo, que acontece até o dia 30 de setembro no Mercado Municipal Paulistano, no centro de São Paulo.

06 agosto 2013 | 20:42 por carlaperalva

Organizada pelo Sesc Carmo, a mostra reúne registros feitos pelo fotojornalista João Correia Filho da tradicional produção queijeira do Estado de Minas, em suas principais regiões produtoras: Serra da Canastra, Serra do Salitre e a cidade de Serro.

Depois do dia 30 de setembro, a exposição, itinerante, migra para mercados de bairros, como Lapa, Ipiranga, Santo Amaro, Penha e Pinheiros.

FOTOS: João Correia Filho/Reprodução

Ficou com água na boca?

Considerado Patrimônio Cultural do Brasil por seu modo único de produção, que data do século XVIII, o queijo artesanal de Minas é feito de leite cru e não pasteurizado e, por isso, não pode ser comercializado fora do Estado. Uma das etapas de feitura que confere o sabor característico aos queijos mineiros é a adição do pingo, fermento lácteo natural, que drena do queijo no processo de elaboração e volta para os próximos queijos, transmitindo a eles as características do produto da região.

Pós-graduado em jornalismo literário. João Correia Filho atua como repórter fotográfico há 15 anos é autor de Lisboa em Pessoa – guia turístico e literário da capital portuguesa.

SERVIÇO – Exposição Fotográfica Rota do Queijo

Organização: Sesc Carmo

Onde: Mercado Municipal Paulistano – Rua da Cantareira, 306, Centro

Quando: Até 30 de setembro – de segunda a sábado, das 6h às 18h; domingos, das 6h às 16h

Exceto em 11/8, domingo, quando o Mercado Municipal Paulistano estará fechado

Quanto: Grátis

Tel. (11) 3111-7000

Ficou com água na boca?