Paladar

Comida

Comida

Semana do Peixe realiza eventos em 23 Estados para incentivar consumo no País

Evento é oportunidade para aproveitar promoções, degustar e conhecer novos pratos com pescado

04 setembro 2017 | 20:10 por Paulo Beraldo

Festivais, degustações, palestras e ofertas de peixes serão realizadas até dia 15 em todo País para incentivar o consumo de pescado, na casa de 10 quilos por pessoa por ano. As ações, que ocorrem em 23 Estados, fazem parte da 14ª Semana do Peixe. Em São Paulo, a Ceagesp terá domingos gastronômicos durante o evento com pratos a partir de R$ 15 (leia mais sobre a programação abaixo).  

Programação do evento traz ofertas especiais de peixes e frutos do mar em grandes redes de supermercados. Na foto, peixe à grega com tomates marinados. 

Programação do evento traz ofertas especiais de peixes e frutos do mar em grandes redes de supermercados. Na foto, peixe à grega com tomates marinados.  Foto: Evan Sung/The New York Times

Meg Felippe, uma das coordenadoras do evento, diz que o objetivo é trazer o peixe para o dia a dia do consumidor. A ideia é propor a reflexão: por que o peixe não está mais vezes no prato dos brasileiros? “Queremos que o consumidor possa se aproximar da realidade dessa proteína e descobrir novos caminhos, receitas e oportunidades”, diz Meg, representante do Comitê da Cadeia Produtiva da Pesca e da Aquicultura (Compesca/Fiesp).

Para a chef Bella Masano, do restaurante Amadeus, especializado em pescados, motivos que colocam o consumo de pescado no Brasil abaixo da média mundial (20 quilos por pessoa) são a baixa relação com o pescado no cotidiano, a falta de conhecimento para escolher e o receio para preparar um peixe.

“O consumo é baixo se comparar com o de aves e o de carne bovina”, avalia. Bella trabalha com peixes conhecidos, como salmão e bacalhau, mas dá espaço para espécies alternativas como o robalo, a pescada-amarela e a piraúna.

O chef Cauê Tessuto, especialista em peixes, vê grande potencial para espécies daqui, como o guaru, guavira, parati, curvina, tainha, entre outros. “Elas têm aceitação boa, mas ainda precisamos educar os clientes e prestar atenção para sempre oferecer algo de qualidade”.

Consumo de peixes no Brasil, próximo de 10 quilos por pessoa por ano, está abaixo da média mundial. 

Consumo de peixes no Brasil, próximo de 10 quilos por pessoa por ano, está abaixo da média mundial.  Foto: Daniel Teixeira/Estadão

Consumo. As duas principais datas de consumo de peixe no País são a Páscoa e o fim de ano. A Semana do Peixe, criada em 2002, se consolida cada vez mais como a terceira data, segundo a Associação Brasileira de Supermercados (Abras). “Na edição anterior, as vendas cresceram 30% no período”, diz Márcio Milan, superintendente da associação.

Em 2016, o Brasil produziu cerca de 1,5 milhão de toneladas de peixes, número que coloca o País no 13º lugar na produção mundial. Nos próximos oito anos, a produção brasileira deve dobrar, segundo a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO/ONU). “Por ter grande mercado consumidor, capacidade de investimento e boas condições de produção, o Brasil tem potencial enorme para crescer”, diz Francisco Medeiros, presidente da Associação Brasileira da Piscicultura (PeixeBR).

Pesquisa. Para incentivar o desenvolvimento do setor, o governo federal investiu quase R$ 60 milhões na criação da Embrapa Pesca e Aquicultura, inaugurada em Palmas (TO), em 2016. “Queremos fazer com o peixe o que a Embrapa fez com os grãos”, resume o chefe da unidade da Embrapa, Carlos Magno, lembrando que a empresa revolucionou os campos brasileiros ao transformar o País, que era importador, em um dos maiores produtores de alimentos do planeta.

Serviço. Na rede Atacadão, há promoções para bacalhau, camarão rosa, merluza, pescada branca, salmão, tilápia, sardinha, entre outros. O Carrefour traz, no Festival do Peixe, 500 toneladas de peixes como tilápia, corvina, badejo, robalo e outros. Há ainda palestras e cursos de culinária em várias unidades da capital paulista. O Walmart, o Extra e o Pão de Açúcar também participam com ofertas especiais para a data.

Ficou com água na boca?