Paladar

Comida

Comida

Um bairro é semeado

Os tropeiros que venciam a Serra do Mar paravam no Planalto de Piratininga em busca de água, descanso e sombra. O córrego Lavapés lhes fornecia isso e ainda as suculentas frutas que pendiam dos cambucizeiros. Era tanta a árvore da espécie ali, que ficou o nome: nasciam o bairro do Cambuci e a rua Lavapés, na zona sul de São Paulo.

22 julho 2015 | 19:09 por joseorenstein

LEIA MAIS

+ Parece disco voador. Mas é fruta nativa

Colheita na mata a uma hora do caos da cidade

Hoje a espécie já não é tão comum ali como antes, mas no Largo do Cambuci ela está lá – e mutirões de plantio recentes, promovido pelo Instiuto Auá com moradores, têm tratado de devolver à paisagem do tradicional bairro paulistano os ácidos discos voadores verdes.

FOTO: Paulo Pinto/AE

Outro bastião do resgate da fruta no bairro é um tradicional restaurante local, o Javali (R. Luiz Gama, 847, Cambuci, 3271-8234). A casa existe desde 1962, mas foi a partir de 2009 que começou a colocar o cambuci como estrela no cardápio. O nhoque com molho da fruta é dos pratos mais pedidos. A caipirinha de cambuci, feita com a cachaça da fruta envelhecida em carvalho, também vai bem. E sucos e sorvetes honram a fruta que dá nome ao bairro.

>>Veja a íntegra da edição do Paladar de 23/7/2015

Ficou com água na boca?