Paladar

Aceita guaivira, sororoca, bonito, oveva? (edição de 27/3/14)

Veja a íntegra da edição do caderno 'Paladar

27 março 2014 | 03:30 por Redação Paladar

Seja sincero, se o maître oferecer algum dos peixes acima, você arrisca? Se a resposta for não, está na hora de reconsiderar. O mar não está para atum, robalo e namorado como costumava estar. A insistência do consumidor nessas e outras espécies levou à pesca exaustiva, que resultou na redução dos cardumes. Daí a sugestão dos especialistas de dar um tempo para que esses campeões de mesa possam se multiplicar em paz e voltar sem perigo aos menus. Mas ninguém vai ficar sem peixe: nadantes “menos nobres”, como os citados no título, abundam nos mares e podem ser tão saborosos quanto seus primos aristocratas (além de custarem menos e chegarem mais frescos). É só mudar um pouquinho de hábito e dar uma chance a eles. A pedido do Paladar, três restaurantes fizeram a experiência de colocar no cardápio por um dia espécies como guaivira, abrótea e bonito. E não é que teve gente que pediu, comeu e gostou?

CAPA

Que tal trocar o namorado?

Guia de peixes para o consumidor consciente

Peixes diferentes: venda-os se for capaz

Veja onde comprar peixes

+ Receitas

Guaivira com harussame e legumes

Abrótea na panelinha de barro

PRATO DO DIA

Tomates recheados

EU SÓ QUERIA JANTAR

Um vecchio de 20 anos

HISTÓRIAS DA MESA

A história do virado à paulista

ANGELO GAJA – “REI DO BARBARESCO”

“Vão provando enquanto eu falo!”

Ficou com água na boca?