Harmonização dos sonhos: hambúrguer e cerveja

Para os maiores de idade, nada como um combo para melhorar o dia. Confira 5 dicas de harmonização perfeita de Eisenbahn

28 de maio de 2022 | 01:00 por Eisenbahn, Estadão Blue Studio

Crédito: Gabriel Jesus Machado Moreira / Rappi Brasil

Crédito: Gabriel Jesus Machado Moreira / Rappi Brasil Foto:

O hambúrguer pode ser de carne, de linguiça, peixe, frango e até vegano, mas todos têm em comum uma legião de apaixonados e a harmonização perfeita com cerveja. O sommelier de cervejas e mestre em estilos Ricardo Stefoglov, coordenador de Craft na The Heineken Company, dá cinco dicas preciosas dessa  harmonização. Acompanhe a seguir uma breve descrição do especialista para cada estilo de cerveja da Eisenbahn:

Pilsen: “Cerveja leve e refrescante, é um grande curinga para acompanhar qualquer hambúrguer.”

Unfiltered: “Versão não filtrada da Pilsen, foi lançada recentemente pela Eisenbahn para celebrar os 20 anos da marca. É mais encorpada e tem um leve toque frutado, que combina muito bem com uma geleia de pimenta no hambúrguer, por exemplo.”

Weiss: “Cerveja versátil, tem a cremosidade do trigo e o toque frutado típico desse estilo de cerveja. Vai muito bem com um belo hambúrguer de frango ou peixe, e também com as opções veganas.”

Pale Ale: “Cerveja equilibrada, mas, com o malte se destacando, traz um toque caramelado, em sintonia com o amargor e um leve frutado. Acompanha muito bem um hambúrguer clássico – pão, carne e queijo. Um hambúrguer de linguiça também é uma excelente pedida aqui.”

IPA: “Tanto a IPA quanto a Session IPA, uma versão mais leve, apresentam uma explosão de lúpulo, que traz muitos aromas e um amargor na medida certa. É uma cerveja intensa, que pede um hambúrguer completo, com queijo, bacon, molhos e tudo mais a que temos direito, pois o amargor desse estilo ajuda a ‘limpar’ o paladar, condição perfeita para um hambúrguer mais potente.”

Crédito: Gabriel Jesus Machado Moreira / Rappi Brasil

Crédito: Gabriel Jesus Machado Moreira / Rappi Brasil Foto:

Tradição artesanal

Nascida em Blumenau (SC), a Eisenbahn é fruto da mais genuína paixão por cervejas. Um dos fundadores, Juliano Mendes, cresceu em uma família apaixonada por cerveja artesanal caseira. Ele se especializou na área e explorou esse universo em vários lugares do mundo até abrir a própria cervejaria, em 2002, tendo o pai e o irmão como sócios.

Crédito: Gabriel Jesus Machado Moreira / Rappi Brasil

Crédito: Gabriel Jesus Machado Moreira / Rappi Brasil Foto:

As receitas desenvolvidas por Juliano seguiam a escola alemã de cervejas, que tem o perfeccionismo como uma das características mais marcantes. Assim, a nova marca já nasceu fortemente apoiada na busca permanente por qualidade, em todas as etapas de produção – afinal, se era para fazer cerveja de acordo com a famosa Lei Alemã da Pureza, que fosse com os melhores ingredientes e atenção máxima a cada detalhe. 

Ao escolher um nome para a nova cervejaria, os sócios optaram por Eisenbahn, palavra em alemão que significa “ferrovia” – homenagem a uma antiga estrutura que havia em Blumenau. Com o passar dos anos, a “marca do trem” tornou-se sinônimo de qualidade para consumidores de todas as partes do País.

A origem artesanal da Eisenbahn, numa região reconhecida pela qualidade de vida, continua influenciando o seu perfil de comunicação. Em cada ação, a marca convida o consumidor a desacelerar, redescobrir a beleza das coisas simples e desfrutar dos detalhes do dia a dia.

Crédito: Gabriel Jesus Machado Moreira / Rappi Brasil

Crédito: Gabriel Jesus Machado Moreira / Rappi Brasil Foto:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Ficou com água na boca?