Paladar

Receitas

Receitas

Prato do Dia

Patrícia Ferraz

Arroz de costelinha

Facílimo de preparar, a receita tem um toque levemente oriental e é um jeito de variar o tempero do assado natalino

por Patricia Ferraz

Esse arroz de costelinha é um espetáculo – e um jeito de variar o tempero do assado natalino. A receita tem um toque levemente oriental, com um pouco de shoyu, sake mirin e cebolinha. Mas eles entram só na finalização, o tempero da costelinha é bem brasileiro, uma vinha d’alho. É facílimo de preparar e se temperar a costelinha na véspera vai ficar ainda mais saborosa. Senão, deixe marinar por pelo menos três horas.  

Arroz de costelinha 

Arroz de costelinha  Foto: Codo Meletti/Estadão; Cermaica Muriqui

Preparo

1Ponha no liquidificador o vinho branco com o abacaxi picado e bata para fazer suco. 
2Tempere a costelinha com sal e pimenta. Faça furos na carne e encaixe os dentes de alho. Ponha em uma vasilha que tenha tampa, acrescente o suco de abacaxi e vinho, tampe e deixe marinar na geladeira de um dia para o outro.
3Transfira a costelinha para uma assadeira com a marinada. Se o caldo for pouco, complete com água fervente, para cobrir a costelinha até a metade. Embrulhe a assadeira em papel de alumínio e asse por 1 hora tampado. Destampe e deixe no forno até dourar, regando de vez em quando. Tire do forno, espere esfriar e desfie a carne.
4Cozinhe o arroz.
5Descasque o gengibre e corte em fatias finas. Junte as fatias e esprema com as mãos em uma cumbuca, para extrair o líquido.
6Refogue numa frigideira grande a cebola no azeite até murchar, acrescente a cebolinha, o shoyu e o sake, misture e junte a carne desfiada. Despeje o caldo do gengibre espremido Vá colocando o arroz cozido, aos poucos, mexendo. Se for necessário acrescente um pouco mais de shoyu e azeite. Ponha numa travessa e sirva quente.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Receitas mais vistas

Mais em receitas

Ficou com água na boca?