Paladar

Receitas

Receitas

Neide Rigo|Estadão
Neide Rigo|Estadão

Nhac!

Neide Rigo

Como fazer carimã em casa

Carimã é a mandioca, mansa ou brava, fermentada e amolecida; veja como fazer em casa

por Neide Rigo

Carimã é uma das incontáveis formas de preparar a mandioca. O nome varia conforme a região do País, mas a mandioca, mansa ou brava, fermentada e amolecida dá origem a diversos preparos especialmente no Norte e Nordeste. 

Com esta receita você vai obter uma massa que pode ser usada para vários fins e pode ser guardada na geladeira por até uma semana. Depois, confira também como fazer um mingau de carimã

Preparo

1Corte a mandioca em pedaços, descasque e coloque numa tigela de vidro ou cerâmica e cubra com água fria. Proteja a tigela com um pedaço de folha de bananeira, de plástico ou pano e deixe em temperatura ambiente, sem trocar a água, até que a mandioca amoleça – ao pressioná-la entre os dedos ela se desfaz. Isto pode durar de três a 15 dias a depender da temperatura. Quanto mais quente, mais rápido.
2Escorra a água, lave os pedaços umas três vezes e deixe escorrer bem. Tire os pavios (o fiapo duro do centro) e amasse os pedaços com as mãos ou passe tudo por um urupema (a peneira de fibra natural). Outras opções: passar pelo processador, passar pela centrífuga, socar no pilão ou bater no liquidificador diretamente com outros ingredientes caso vá fazer um bolo ou mingau, por exemplo (a massa deverá estar como uma massa de bolo densa).
3

Coloque num saco de pano e deixe escorrer como se fosse fazer coalhada seca, depois esprema bem e use.

4Quando for usar ela estiver muito ácida, basta lavar novamente – coloque numa tigela, jogue água por cima, espere a massa assentar, escorra a água e esprema de novo num saco de pano para secar mais. Se quiser secar, pegue porções da massa, faça bolinhas ou discos achatados, espalhe sobre um pano limpo ou peneira de fibra e deixe no sol até secar bem. Basta, então, guardar em vidro fechado – devem estar bem secas, se não poderão mofar. Quando quiser usar, basta diluir as bolinhas ou bater no liquidificador com os outros ingredientes caso do mingau, por exemplo. Ou, se preferir, já triture as bolinhas no liquidificador e guarde na forma de farinha

 

Ficou com água na boca?