Paladar

Receitas

Receitas

Bruno Nogueirão|Estadão
Bruno Nogueirão|Estadão

Milano-torino

Aprenda a fazer o drinque de Campari e vermute que é o 'avô' do negroni

por Redação Paladar

Aqui começa a história do negroni. O milano-torino é um drinque italiano que data do final do século 19, originalmente feito com Campari e Punt e Mes - Campari, um amaro (licor amargo) de Milão, e Punt e Mes, um licor tinto doce de Turim, daí o nome do coquetel. 

Quando a água com gás entrou na receita, "para dar uma refrescada", passou-se a chamar americano. Então, em 1919, a pedido de um conde, foi batizado com gim, e assim surgiu o negroni, grande clássico da coquetelaria. 

Preparo 

1Encha um copo baixo com gelo. Coloque quantidades iguais de Campari e vermute. Misture. Finalize com um twist de casca de laranja. 

DICA: Depois de abrir, guarde o vermute na geladeira. Ele é um vinho fortificado e pode estragar se deixado na prateleira. 

Saiba mais no blog Balcão do Giba

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Ficou com água na boca?