Paladar

Receitas

Receitas

Prato do Dia

Patrícia Ferraz

Molho de tomate assado e anchovas

Receita rústica vai bem com massas, polpetinhas e serve como base de recheios; veja como fazer

por Patrícia Ferraz

Molho de tomate assado com anchovas.

Molho de tomate assado com anchovas. Foto: Patrícia Ferraz/Estadão

Um bom molho de tomate no freezer é um ótimo curinga – vai na massa, acompanha polpetinhas, serve como base de recheios e vai bem até com uma fatia de pão de fermentação natural... O negócio é comprar tomates bem maduros, dois ou três quilos, e fazer bastante molho de uma vez para usar parte e congelar o resto em porções.

Entre tantas receitas, essa é rústica e combina com o verão: os tomates são assados, com alho, cebola, ervas aromáticas e alguns filés de anchova. Depois é só bater no liquidificador, com azeite e sal. Fica leve, cheio de sabor, uma delícia. Mas esse molho tem dois truques, que fazem toda a diferença. Primeiro, os tomates têm de estar muito maduros. E segundo, devem ir ao forno bem baixinho por mais de uma hora, até que fiquem bem assados, o que reduz a acidez do tomate. Fica ótima com massa tipo tubo como rigatone. Se tiver orégano fresco, ponha por cima da massa na hora de servir.

Preparo

1Lave e seque bem os tomates. Corte-os ao meio no sentido vertical e ponha as metades em uma assadeira com a parte cortada virada para cima.
2Tempere com sal, regue com azeite.
3Distribua pela assadeira os dentes de alho e as cebolas já sem casca.
4Ponha os filés de anchova sobre os tomates.
5Distribua os ramos de ervas frescas.
6Leve a assadeira ao forno preaquecido a 180°C e asse os tomates por aproximadamente uma hora, ou até que estejam bem assados (enrugados) e a cebola e o alho estejam macios.
7Tire do forno, espere esfriar e ponha no liquidificador, com um pouco mais de azeite, pulsando para fazer o molho – sem deixar homogêneo, esse molho é rústico. Ajuste o sal se necessário.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Ficou com água na boca?