Paladar

Receitas

Receitas

Prato do Dia

Patrícia Ferraz

Passo a passo para o yakisoba perfeito

Yakisoba não é um prato difícil, ao contrário, facilidade e rapidez são motivos para o sucesso desse macarrão frito delicioso

por Patricia Ferraz

Receita Yakisoba 

Receita Yakisoba  Foto: Patrícia Ferraz/Estadão

A preparação do yakisoba tem alguns truques que garantem o sucesso do prato. O primeiro é seguir a ordem de entrada dos ingredientes. O segundo, usar uma panela de ferro de cabo longo, tipo wok, que esquenta bastante em pouco tempo. E o terceiro, também muito importante, só temperar com shoyu, óleo de gergelim e sakê no final da preparação.

Quem me relembrou dessas dicas valiosas foi um craque no assunto, o professor Hélio Takeda, meu ex-mestre de cozinha asiática na Pós-Graduação e atualmente professor em várias escolas de cozinha e faculdades. Aqui em casa, faço yakisoba nada ortodoxo, mas antes de publicar a receita, preferi ligar para o Takeda, para garantir o preparo correto. 

Yakisoba não é um prato difícil, ao contrário, facilidade e rapidez são motivos para o sucesso desse macarrão frito delicioso, que os japoneses aprenderam com chineses e preparam como uma espécie de “limpa geladeira”, aproveitando sobras de vegetais e carnes. O original leva carne bovina, frango e camarão. Dessa vez usei apenas carne. 

Preparo

1Cozinhe a massa em água fervente sem sal. Escorra.
2Aqueça a wok por um minuto e adicione 2 colheres (sopa) de óleo vegetal. Deixe o óleo esquentar e frite metade da massa cozida: ponha a porção na panela, frite sem mexer por um ou dois minutos. Vire e frite do outro lado. Tire da panela e reserve. Frite a massa restante.
3Ponha uma colher (sopa) de óleo na wok, sem lavá-la, aqueça e frite a carne, mexendo. Tire a carne da panela e reserve.
4Ponha na panela, sem lavá-la, o alho picado, a cebola cortada, o brócolis, a cenoura e frite um pouco, mexendo com uma espátula longa ou hashis grandes. Junte a acelga picada, o broto de feijão e o shiitake fatiado. Frite um ou dois minutos, mexendo.
5Devolva a carne para a wok, junto com os vegetais, mexa bem e cubra com o caldo vegetal. Deixe cozinhar por dois ou três minutos. Corrija o sal e a pimenta, se necessário. Ponha o shoyu, o sake e o óleo de gergelim.
6Misture numa vasilha a maizena com a água e mexa bem. Vá colocando na panela com o caldo, aos poucos, mexendo para incorporar. Isso vai engrossar o molho. Quando o caldo voltar a ferver, está pronto.
7Despeje a massa frita na wok e mexa para misturar (ou faça à moda tradicional: ponha o molho em um prato fundo e acomode a massa por cima). Sirva imediatamente. 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Ficou com água na boca?