Paladar

Receitas

Receita

Tiago Queiroz|Estadão
Tiago Queiroz|Estadão

Receitas para levar na marmita

15 ideias de receitas para você fazer hoje e levar amanhã para o trabalho, de almoço ou lanche da tarde

15 de agosto de 2018 | 15:24 por Carla Peralva, O Estado de S.Paulo

Uma receita boa para levar na marmita para o trabalho/escola atende alguns requisitos: pode ser transportada com facilidade (não vai endurecer ou despedaçar ou perder a crocância ou vazar por todos os lados), dura alguns dias na geladeira, aguenta a viagem sem refrigeração, pode ser consumida em temperatura ambiente e, claro, é deliciosa. 

Se você anda querendo cozinhar mais, comer de forma mais saudável e gastar menos, confira algumas ideias de receitas para levar para o almoço e o lanche da tarde, além de dicas de como montar a marmita perfeita

Ah! Antes de tudo, vale comentar: você não precisa de nenhum utensílio específico para fazer e transportar sua marmita, basta procurar um recipiente bem vedado e uma bolsa térmica. Mas, se quiser investir em potes (especialmente os que têm divisões planejadas), veja aqui onde comprar em São Paulo.    

Agora, aos pratos: 

1. Macarrão asiático com legumes ao curry

Prefira alimentos em temperatura ambiente, eles se conservam melhor e dispensam o trabalho de aquecimento. Saladas de massa curta e massas asiáticas funcionam bem, como esse bifum, macarrão de massa de arroz. Faça com seus legumes preferidos e capriche no tempero

 

  Foto: Tiago Queiroz|Estadão

 

2. Cuscuz marroquino

Invista nos grãos, muito além do arroz. Lentilha, grão-de-bico, quinoa, feijão-branco, cevadinha podem ser misturados com hortaliças ou legumes grelhados. É o caso desse cuscuz verde, que leva diversas ervas, cebola caramelizada, rúcula e queijo feta. O cuscuz de estilo paulista funciona também e pode ser feito com diversos sabores. 

Cuscuz verde. 

Cuscuz verde.  Foto: Alex Silva/Estadão

 

3. Frango assado com arroz vermelho e brócolis 

Escolha proteínas que podem ser consumidas em temperatura ambiente e de preferência já cortadas. Boas dicas são frango cozido desfiado ou frango assado em pedaços, que funcionam bem ao natural e não perdem a textura se reaquecidos. Aqui, o frango é combinado com arroz vermelho e brócolis no vapor

 

  Foto: Alex Silva|Estadão

 

4. Rosbife com mostarda e salada de batata-doce

Se quiser apostar em carnes, tente esse rosbife, que pode ser acompanhado de salada, legumes e até cebola caramelizada. Outra boa ideia é vitello tonnato, carne fria muito popular na Itália, que só melhora de sabor conforme passa os dias dentro da geladeira (dura até uma semana protegida por filme plástico). 

 

  Foto: Tiago Queiroz|Estadão

 

5. Legumes assados

Se não quiser cozinhar uma carne, fatias de presunto cru, salmão defumado e pedaços de queijo ocupam bem o “lugar da proteína” em uma marmita rápida de fazer e leve para comer. Para acompanhar, experimente fazer legumes assados com azeitonas ou essa tian provençal com anchovas da foto

Receita de vegetais assados da Patrícia Ferraz

Receita de vegetais assados da Patrícia Ferraz Foto: Luciana Cristhovam|Estadão

 

6. Salada de arroz, vegetais da horta e queijo

Essa salada é uma refeição completa (e nada monótona): leva três tipos de arroz, sete vegetais, folhas, queijos e diversos temperos. Além de viajar bem e poder ser consumida em qualquer temperatura, ela pode ser feita com o que você tiver na geladeira. Só vantagens. Confira a receita.  

Salada de arroz, vegetais da horta e queijo coalho.

Salada de arroz, vegetais da horta e queijo coalho. Foto: Daniel Teixeira/Estadão

 

7. Nhoque com legumes e manteiga de limão

Sim, é possível levar massas tradicionais na marmita. Só escolha uma receita que não vá perder sabor ou mudar de textura durante a viagem/reaquecimento. E, por favor, evite preparos com creme de leite, iogurte e maionese. Esse nhoque (você pode comprar a massa pronta) é fácil de fazer e delicioso. Outra opção é penne com tomate cereja e atum

 

  Foto: Alex Silva|Estadão

 

8. Tortas salgadas 

Eis a preferência da equipe do Paladar: trazer tortas ou quiches para o trabalho. Elas viajam bem, ficam gostosas em qualquer temperatura, funcionam como almoço ou como lanche da tarde. Duas queridinhas são a de cogumelos (da foto) e a de cebolas, fácil de fazer. 

Torta de cogumelos.

Torta de cogumelos. Foto: Fernando Sciarra/Estadão

 

9. Rolinho vietnamita

O rolinho feito de papel de arroz também é curinga na marmita, já que as variações de recheios são incontáveis. Uma dica é deixá-lo coberto com um guardanapo de papel úmido para não ressecar até a hora do consumo. Confira a receita

 

  Foto: Tiago Queiroz|Estadão

 

10. Salada de lentilha

Coloque a lentilha no seu repertório cotidiano de receitas. Ela vai bem com arroz e cebola caramelizada; em salada com arroz selvagem, romã e brotos; com molho de tahini e brócolis cozidos; em tabule com quinoa, damasco e rabanete; em um pilaf de grãos com cogumelos; e nessa bela e simples salada com cebola-roxa, gengibre e molho de ervas. Todas as opções viajam super bem. 

 

  Foto: Felipe Rau| Estadão

 

Dicas extras

Além de todas as indicações dadas acima, fique atento a duas coisas: 

1. Não feche a marmita com a comida ainda quente, ela continua cozinhando e vai murchar.  

2. Monte a marmita pensando em como as texturas vão se comportar. Evite frituras, que perdem a crocância. Leve molho e folhas separados, para elas não murcharem. Tomates também merecem ser estocados à parte, porque eles soltam água - boa saída é levar tomatinhos cereja inteiros.

 

LANCHINHOS 

Bateu aquela fome à tarde? Sanduíches, frutas, iogurtes, biscoitos de polvilho e cookies são boas opções. Outra sugestão é colocar na bolsa um potinho com homus e alguns vegetais em palito. Mas se você quiser sair um pouco da rotina, confira as receitas a seguir:  

11. Grão-de-bico picante 

Um aperitivo viciante, fácil de fazer, e que se pode comer à vontade. Você pode temperar de várias maneiras, comece experimentando essa aqui  – é só uma fórmula, para dar uma ideia das quantidades e especiarias que combinam. Ela leva canela, pimenta, especiarias e óleo de coco. Depois, vá fazendo suas adaptações.

 

  Foto: Gabriela Biló|Estadão

 

12. Bolo salgado de presunto, queijo e azeitonas

Fácil e delicioso, bem melhor do que qualquer salgado da lanchonete, garantimos. Pode ser feito na forma de bolo ou em forminhas individuais. Quer uma dica? Distribua a massa em forminhas pequenas e congele. No dia, é só assar de manhã e levar para o trabalho, fresquinho. Veja a receita.  

Cake jambon, gruyère e olives.

Cake jambon, gruyère e olives. Foto: Daniel Teixeira/Estadão

 

13. Bolo salgado de abobrinha

Segue a mesma ideia da receita anterior, com a vantagem de ser uma boa opção também para o almoço. Tão fácil e tão rápida que a gente até desconfia. Mas você vai se surpreender com o resultado: um misto de pão recheado e bolo salgado, macio, perfumado e cheio de sabor. Confira a receita

Bolo salgado de abobrinha.

Bolo salgado de abobrinha. Foto: Daniel Teixeira/Estadão

 

14. Forminhas de ricota e espinafre

Essa receita é bem fácil e requer apenas dois cuidados: não bata muito a massa, para não murchar, e não deixe passar do ponto no forno, para não ressecar. Aprenda como fazer

Receita de forminhas de ricota e espinafre

Receita de forminhas de ricota e espinafre Foto: Luciana Cristhovam|Estadão

 

15. Barra de granola e damasco

Amêndoas, damascos, granola, mel e pasta de castanhas (como manteiga de amêndoas): uma das vantagens de fazer as barrinhas em casa é saber exatamente quais ingredientes você está consumindo. Essa é uma receita para fazer em um dia de folga e guardar para a semana inteira. Confira como fazer.  

Receita de barra de granola e damasco

Receita de barra de granola e damasco Foto: Evan Sung|NYT

* Lista publicada em 24/10/16 e atualizada pela última vez em agosto de 2018.