Paladar

Restaurantes e Bares

Restaurantes e Bares

Barouche: novidade no Centro

Localizado no Largo do Arouche, o pequeno bar tem decoração retrô e bons drinques

10 fevereiro 2016 | 16:49 por Renata Mesquita

A fórmula do novo Barouche é certeira: um bar no largo do Arouche, com carta de drinques enxuta porém com boas criações. A casa abriu na surdina no fim de janeiro e lotou logo no primeiro dia.

No largo. Decoração retrô, calçada larga e ainda tem um parklet na frente

No largo. Decoração retrô, calçada larga e ainda tem um parklet na frente Foto: Alex Silva|Estadão

A história desse simpático bar de 35m² começou com a descoberta do imóvel. Paulo Velasco, dono do CineSala, foi visitar o amigo arquiteto Marcel Steiner e notou que o espaço comercial no térreo do edifício estava vago. Teve a ideia do negócio e convidou o amigo. Eles se animaram com a ideia e chamaram Paulo Souza, do restaurante Nou e da lanchonete Mano, e a mulher dele, Priscila Passos – dupla que, aliás, prepara a inauguração de um novo bar em Pinheiros, o Negroni. 

A ideia era fazer um lugar “simples e preciso”. O lugar é minúsculo, mas tem muita calçada na frente, além de um parklet. A área interna é charmosa, com decór vintage, bem no clima no largo. 

Ficou com água na boca?

Cardápio simples e local. Vinagrete de lula acompanha porção de pão francês da padaria vizinha

Cardápio simples e local. Vinagrete de lula acompanha porção de pão francês da padaria vizinha Foto: Alex Silva|Estadão

No cardápio, não há grandes invenções: é comida de bar e ponto. O que vem à mesa é preciso, como o vinagrete de lula que acompanha cesta de pão francês comprado na padaria vizinha. A tábua de frios vem com brie (porque nem toda tábua de frios precisa de canastra) e salame do Mercadão, outro vizinho, que também marca presença no sanduíche de mortadela. 

Mas a estrela é a carta de drinques. Elaborada pelo mixologista e consultor Marco De la Roche, está dividida em clássicos (caipirinha R$ 18) e “drinques do arouche”. Prove o Sbrodaccio (mistura de gim, amaro lucano, limão siciliano e citrus - R$ 25) e o Bafo de Onça (aperol, mate gelado e tangerina R$ 25). A ideia de De La Roche foi fazer drinques refrescantes e com teor alcoólico moderado “para as pessoas passarem a tarde inteira bebericando e batento papo na praça”. Bem-vindo. 

Drinque da casa. Sbrodaccio leva gim, amaro, limão e citrus

Drinque da casa. Sbrodaccio leva gim, amaro, limão e citrus Foto: Alex Silva|Estadão

SERVIÇO - BAROUCHE

Largo do Arouche, 103, República.

Tel.:  3224-9097.

Horário de funcionamento: 19h/24h (sáb. 17h/24; fecha às seg e dom.)

>> Veja a íntegra da edição de 11/2/2016

 

Ficou com água na boca?