Paladar

Restaurantes e Bares

Restaurantes e Bares

Conheça o Pipo, restaurante de estreia do chef Felipe Bronze em São Paulo

Restaurante mescla o uso intensivo do fogo, a exemplo do seu estrelado Oro, com o ambiente informal e descontraído do extinto Pipo do Rio de Janeiro

23 de janeiro de 2019 | 21:34 por Renata Mesquita

A brasa, que fez a fama do chef Felipe Bronze na TV, é o carro-chefe na sua aguardada casa de estreia na capital paulista. O novo Pipo, inaugurado oficialmente na última terça-feira, tem a maior parte das receitas com algum elemento preparado no enorme braseiro de cinco metros instalado no iluminado salão. Dos crudos à sobremesa. 

Instalado nos fundos do Museu da Imagem e do Som, o novo restaurante mescla as essências das duas casas de Bronze: o Oro, restaurante de vanguarda, titular de duas estrelas Michelin (único carioca), e o agora extinto Pipo carioca, que fechou as portas em dezembro. O primeiro pela presença da brasa, o segundo pela pegada casual. 

Ambiente da varanda do novo Pipo São Paulo

Ambiente da varanda do novo Pipo São Paulo Foto: Werther Santana|Estadão

Esqueça então o menu-degustação de várias etapas. Ali, como recomenda o cardápio, a ideia é compartilhar – eles sugerem entre 2 e 3 pratos por pessoa. O menu começa com os snacks e tapas, que incluem o caldinho de feijão com espuma de couve (R$ 14), e os crus.

Destaque para o steak tartare defumado (R$ 44), onde o fator fogo não deixa de estar presente. Aqui ele entra na maionese feita com a gordura da picanha derretida e defumada que envolve a mesma carne crua picada na ponta da faca servida com uma fatia de pão levemente torrado. 

O cardápio continua com os sanduíches, todos servidos em duplas no mini brioche feito no vapor, macio como um bao. Entre eles, o Pipo burger (R$ 39), de wagyu com picles de maxixe. 

Brsa. Arroz de pato com couve e azeitonas defumadas

Brsa. Arroz de pato com couve e azeitonas defumadas Foto: Werther Santana|Estadão

Cai bem para comer sozinho uma das opções de arroz, que chega a mesa em panelinha de ferro recém-saída do forno josper com fundinho queimadinho, como o de peito de pato (R$ 40) com azeitonas ou o de cebolas tostadas (R$ 36) com ovo defumado no louro (que ainda conta com opção de acrescentar uma porção de uni). 

Quem vai em busca de carnes, tem como opções o bife ancho de porco na brasa e uma costela assada por 18 horas, acompanhada de uma farofa de ovo mole, cremosa e crocante, que quase rouba a cena do prato. 

Quem duvida que o fogo também entra na sobremesa, pode tirar a prova dos nove com a torta de queijo (R$ 28), receita espanhola aqui feita com queijo Catupiry, servida com goiabada e morangos passados na brasa. Única receita 100% intocada, o pudim sem furinhos do Pipo do Rio é outra boa pedida para finalizar a refeição na nova casa. 

Torta de queijo com morangos frescos defumados e goiabada cremosa

Torta de queijo com morangos frescos defumados e goiabada cremosa Foto: Werther Santana|Estadão

Bronze passa grande parte do seu tempo em São Paulo dedicado às gravações dos seus quatro programas: Que Seja Doce, Perto do Fogo, The Taste Brasil e, o mais recente, a versão nacional do Top Chef, com estreia prevista para este ano. Por isso, o comando do Pipo paulistano vai ficar nas mãos dos chefs executivos Rafaela Dossi e Henrique Ide, que deixou o posto no Oro para vir trabalhar na cidade.

SERVIÇO

PIPO

Av. Europa, 158, Jardim Europa.

Horário de funcionamento: 12h/23h30 (dom., 12h/16h30; fecha seg.) 

Tel.: 3530-1760

Reservas pelo: pipo.meitre.com 

Ficou com água na boca?