Paladar

Restaurantes e Bares

Restaurantes e Bares

Conheça o restaurante Tangará Jean-Georges

O chef celebridade Jean-Georges Vongerichten chega a São Paulo em alto estilo: o restaurante com seu nome está instalado no Palácio Tangará, hotel de luxo que abre dia 10 de maio. Paladar já esteve lá e provou vários pratos

03 maio 2017 | 20:03 por Patrícia Ferraz

A chegada do chef celebridade Jean-Georges Vongerichten ao Brasil é uma ótima notícia para quem gosta de comer. Ele é um dos grandes e sua cozinha de sotaque asiático é vigorosa, fresca, picante e cheia de sabores instigantes, que vão se revelando a cada garfada. Jean-Georges deixou a França bem jovem – e treinadíssimo – depois de passar pelos mestres Paul Haebelin, Paul Bocuse e Luois Outhier. Mas foram os anos vividos em Bangcoc, Cingapura e Hong-Kong, onde trabalhou em grandes hotéis, que mudaram seu jeito de cozinhar e fizeram aflorar a afinada relação entre técnica francesa e ingredientes asiáticos que virou sua marca. 

O salão sóbrio e elegante

O salão sóbrio e elegante Foto: Nilton Fukuda|Estadão

Trinta anos atrás, aos 30 anos de idade, ele se instalou em Nova York e abriu o Bistro Jojo, o primeiro de um império que tem hoje 32 restaurantes pelo mundo, entre os próprios e aqueles nos quais assina o cardápio, como o paulistano Tangará Jean-Georges. É sua 33ª casa, que abre as portas oficialmente na quarta (10), no Palácio Tangará, novo hotel de luxo da cidade, instalado junto ao Parque Burle Marx na antiga chácara do falecido milionário Baby Pignatari. O hotel tem a bandeira Oetker Collection, que pertence a um fundo de investimento americano. 

O restaurante será comandado pelo chef brasileiro Felipe Rodrigues, sob a supervisão do chef-executivo Pascal Valero. A dupla passou pelas casas de Vongerichten em Nova York e foi treinada por uma delegação que desembarcou aqui há alguns dias para afinar o cardápio e o serviço antes da abertura. 

Caberá a eles exibir o que o estilo de Vongerichten tem de mais marcante. Na cozinha de Jean-Georges os molhos pesados à base de carnes ou cremes cedem espaço às reduções vegetais, caldos à base de legumes, frutas e ervas. É o caso da água de coco, que faz o fundo do vinagrete da salada de pupunha e tomates momotaro, uma das entradas do menu paulistano (R$ 42). Capim limão, coentro e manjericão, entre outras folhas, são vistos em profusão pelo menu, que traz vários pratos de sucesso dos diversos restaurantes do chef. “Trouxemos alguns dos melhores pratos dos meus restaurantes de Nova York”, contou o chef em entrevista exclusiva. “Outros pratos foram criados especialmente, com o uso de produtos brasileiros como palmito pupunha, maracujá doce, mandioquinha.”

Na seção “Comidas preparadas com simplicidade na grelha”, uma marca dos cardápios do grupo, há camarão, salmão, robalo, carré de cordeiro, bife angus ou wagyu, grelhados (que custam de R$ 76 a R$ 88) e acompanhamentos pedidos à parte, como pupunha grelhado (R$ 20), cogumelos sauté em vinho branco e alho (R$ 20) e batatas fritas com ervas (R$ 20). Entre os peixes e crustáceos, o namorado com crostas de castanhas e especiarias chega em jus agridoce, com mel e cogumelos (R$ 88). Destaque entre as carnes, o carré de cordeiro com “bolonhesa” de cogumelos (R$ 97) é uma das poucas opções sem o tempero exótico. 

Salada de tomates e pupunha

Salada de tomates e pupunha Foto: Nilton Fukuda|Estadão

Para quem preferir, o menu-degustação tem seis serviços. Começa com torradas de brioche com gemas confitadas e caviar e termina com a mousse de chocolate com sorvete de matchá e hortelã. Custa R$ 420. 

Os vinhos ficam à mostra numa bela adega envidraçada, projetada por Patricia Anastassiadis, que assina a decoração do restaurante e o lobby. A carta, elaborada pela sommelière Gabriele Frizon, foca em espumantes, brancos e tintos leves, que harmonizam com os pratos. 

Robalo em crosta de especiarias

Robalo em crosta de especiarias Foto: Nilton Fukuda|Estadão

O chef Jean-Georges Vongerichten entre Pascal Valero (à esq.) e Felipe Rodrigues

O chef Jean-Georges Vongerichten entre Pascal Valero (à esq.) e Felipe Rodrigues Foto: Nilton Fukuda|Estadão

SERVIÇO

Tangará Jean-Georges

Onde: R. Dep. Laércio Corte, 1.501, Panamby

Tel.: 4904-4040

Funcionamento: 6h30/10h (sáb., dom., e feriados até as 11h), 12h30/15h e 19h/23h (sex. e sáb., até 23h30)

Ficou com água na boca?