Paladar

Restaurantes e Bares

Restaurantes e Bares

Fica Aí: Z Dog, hot-dogs nada convencionais da turma do Z Deli

Sócios da lanchonete investem em nova loja especializada em cachorro-quente, apenas para delivery ou retirada

21 de outubro de 2020 | 05:00 por Patrícia Ferraz, O Estado de S.Paulo

Tudo o que nasceu na loja minúscula no número 1.386 da Rua Haddock Lobo nos últimos 30 anos fez sucesso. Primeiro, três amigas judias cozinheiras de mão cheia se juntaram ali para vender comida. Deu no Z Deli, a pioneira e mais querida delicatessen paulistana. A loja ficou pequena, mudou e se multiplicou em filiais. Muitos anos depois, em 2011, Júlio Raw, neto de uma das sócias, resolveu fazer sanduíches. Foi a mesma história, o lugar ficou pequeno, a Z Deli Sandwiches se mudou para Pinheiros, deu nova vida ao negócio, reativou as filas de espera e instalou filial no Centro – a delicatessen nos Jardins se mantém firme, também sob seus cuidados. 

O negócio da casa são sanduíches robustos nada convencionais, daqueles que matam a fome e lambuzam as mãos

O negócio da casa são sanduíches robustos nada convencionais, daqueles que matam a fome e lambuzam as mãos Foto: Lucas Terribili

Agora, Júlio e o sócio, Bruno Mester, abriram a Z Dog, especializada em hot-dogs, que funciona ali, mas apenas para delivery ou retirada.

O cardápio não tem nem um hot-dog convencional, portanto esqueça a ideia de um belo pão com salsicha – ambos são bons, sim, o pão do tipo dog roll é feito na padaria do Z Deli, fermenta por quatro horas, fica muito macio e com a superfície cor de caramelo (dá vontade de comer puro). As salsichas também são preparadas na casa, em duas versões: a de carne bovina (acém) é temperada com erva doce, cominho, canela, mostarda, alho e cebola. Tem também a salsicha de cordeiro.

O negócio da casa são sanduíches robustos, daqueles que matam a fome e lambuzam as mãos. O cardápio promove viagens do Oriente ao Novo Mundo em sete versões de pão e salsicha.

O lamb dog (R$ 23), sanduba de pegada árabe, vem com salsicha de cordeiro, cubinhos de tomate, coalhada seca, vinagrete de cebola roxa e coentro. Todos os outros são feitos com salsicha bovina.

O chilli dog (R$ 27) tem sotaque mexicano, leva molho picante de feijão preto, carne moída, legumes, molho de tomate, cebola e queijo tipo americano. O cheese dog vem com queijo americano, relish de pepino, cebola e pode incluir bacon. Custa R$ 16 e R$ 21, com bacon. O bratwurst (R$ 15), bem ao estilo judaico-nova iorquino, combina chucrute e mostarda da casa. O chicago dog (R$ 23) traz a salsicha cozida no vapor, coberta com  cubinhos de tomate, relish de pepino, cebola, picles de jalapeño, salsão. E tem ainda o cabrón (R$ 27), puro tex-mex, mistura de bacon, avocado, sour cream, cebolinha, jalapeño e queijo americano ralado grosso. 

O Cabrón, inspiração tex-mex, mistura de bacon, avocado, sour cream, cebolinha, jalapeño e queijo americano ralado grosso 

O Cabrón, inspiração tex-mex, mistura de bacon, avocado, sour cream, cebolinha, jalapeño e queijo americano ralado grosso  Foto: Lucas Terribili

Não deixe de pedir a batata frita. É do tipo crinkle fries (R$ 9), aquela sanfonada, e viaja muito bem: chega crocante por fora e macia por dentro. Se a sina do endereço prosseguir, tudo indica que o Z Dog vai se multiplicar.

Entregas pelo IFood ou retirada no local, Rua Haddock Lobo, 1. 383, Jardins, das 11h30 à 0h.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Ficou com água na boca?

Tendências