Paladar

Restaurantes e Bares

Restaurantes e Bares

Grecco, em Pinheiros, tem cardápio sazonal e produtos feitos na casa

Parceria entre um cozinheiro e um sommelier, novo restaurante tem pratos e petiscos de acento italiano com um toque da roça

29 agosto 2018 | 20:22 por Patrícia Ferraz

A casa tem dois donos – um está na cozinha, o outro no salão. Eis o primeiro acerto no Grecco Bar e Cucina, que abre nesta quinta (30), nas imediações da Faria Lima. Felipe Grecco é o chef. Ele trabalhou em restaurantes na Espanha e na Itália e no extinto Botta Gallo, em São Paulo, onde conheceu o sommelier Rafael Goulart. Rafael passou pelas casas de Ipe Moraes (Adega Santiago, Taverna 474). Ficaram amigos, planejaram abrir o próprio restaurante e, até concretizarem o negócio, foram fazendo eventos e planos.

Felipe fez do sítio da família em Piracaia uma central de abastecimento. Produz ali embutidos, legumes e verduras, que usa para fazer os picles, chutneys e molhos. O sítio abastece também o restaurante que leva o nome da família em Atibaia.

Estilo. Ambiente do novo Grecco Cocina e Bar

Estilo. Ambiente do novo Grecco Cocina e Bar Foto: Alex Silva|Estadão

O Grecco Bar e Cucina tem o ar dos tempos atuais: seu cardápio será sazonal, baseado em produtos locais frescos e nos preparos artesanais. É comida autoral com olho na tradição.

O cardápio tem petiscos e alguns pratos quentes e frios. Em porção para compartilhar há duas tábuas de produtos artesanais, a de embutidos produzidos pelo chef com copalombo curada, barriga de porco defumada, conserva de fruta e gnocco fritto, um “pastel de vento”, que faz as vezes de pão (R$ 49). A outra é a de queijos Atalaia (Mantiqueira, Mogiana e Tulha) e mel orgânico (R$ 49).

Artesanal. Embutidos feitos pelo chef

Artesanal. Embutidos feitos pelo chef Foto: Alex Silva|Estadão

A seção beliscones inclui bolito frito de porco (croquetes à moda espanhola, recheados com bechamel, R$ 36), batuto de pato, uma versão de tartare de pato com ovo caipira (R$ 47). Se a ideia for comer mais seriamente, tem costela bovina (R$ 62) assada por oito horas; confit de pato (R$ 68); codornas. A pasta da casa é feita com grão-de-bico com quatro opções de molho (R$ 52). 

Rafael instalou a adega no meio do salão e garimpou vinhos de diferentes estilos e preços para abastecer o lugar. Os preços vão de R$ 80 a R$ 280. O bar está sob o comando de Vini (ex-Vista, ex-Un, ex-Lilu), que preparou uma carta de spritz, entre outros drinques autorais.

Beterraba assada, queijo de cabra e picles

Beterraba assada, queijo de cabra e picles Foto: Alex Silva|Estadão

 

SERVIÇO

Grecco Cucina e Bar

R. Henrique Monteiro, 47, Pinheiros

Tel.: 2369-5440

Horário de funcionamento: 12h/15h e 20h/0h (dom., 12h/17h; fecha seg.)

Ficou com água na boca?