Paladar

Restaurantes e Bares

Restaurantes e Bares

Komah abre bar com drinques e petiscos de sotaque coreano

Restaurante da Barra Funda transformou depósito em salão independente com menu de aperitivos para acompanhar drinques do novo balcão

12 de dezembro de 2019 | 18:02 por Renata Mesquita, O Estado de S.Paulo

Se você já era fã do kimchi bokumbap, o arroz picante com crostinha crocante do Komah, prepare-se: ele virou bolinho, empanado, frito e servido com aïoli. A nova versão da receita você não encontra no menu do restaurante do chef Paulo Shin, mas sim no salão ao lado, o novíssimo Bar do Komah, que abriu as portas na última segunda-feira (9).]

Panqueca de moyashi e kimchi e o kimbap, o sushi coreano recheado com legumes e bulgogui

Panqueca de moyashi e kimchi e o kimbap, o sushi coreano recheado com legumes e bulgogui Foto: Bruno Geraldi

O bar ocupa o lugar onde ficava o depósito da casa. O espaço ganhou ar bem moderno com algumas mesas, banquetas altas e lugares no balcão, de frente para Vinícius Apolinário, o Vina, que comanda as coqueteleiras da casa de Shin desde 2018.

Vina criou uma carta de coquetéis especial para o novo balcão, repleto de ingredientes que conversam com a cozinha, o que inclui pedidas como o highball yuzu (R$ 39), com uísque doze anos, suco de limão e soda de yuzu, o cítrico japonês, e o khaennip sour (R$ 32), com soju, gim, limão, clara de ovo e o tal do khaennip, folha de gergelim selvagem (a mesma que embrulha a panceta do samgiopal, outro hit servido do Komah). 

Ambiente. Salão do bar tem entrada e balcão independente do restaurante

Ambiente. Salão do bar tem entrada e balcão independente do restaurante Foto: Bruno Geraldi

Vá pelos drinques, mas não dispense os comes, além do bolinho, é imperdível o sushi coreano, o kimbap (R$ 20, com 5 unidades), vem com arroz envolto em alga nori, legumes e bulgogui, tirinhas de bife ancho marinadas e muito macias.

Tem também o KFF, o Komah Frango Frito (R$ 25), coxa e sobre coxa de frango empanadas, fritas e besuntadas em molho gochujang, crocante, doce e apimentado, faz sujeira, mas vale cada guardanapo, e o nodku bindaetteok (R$ 20), uma panqueca redonda recheada com moyashi, com kimchi e broto de samambaia, coberta com cebolinha crua temperada. 

Bolinho de kimchi bokumbap, o arroz com kimchi frito servido com aïoli.

Bolinho de kimchi bokumbap, o arroz com kimchi frito servido com aïoli. Foto: Bruno Geraldi

E se ainda assim bater a vontate de comer o yukhoe, o steak tartar coreano, você vai ter que passar para o salão ao lado, os menus das duas casas são independentes.  

SERVIÇO

Bar do Komah 

R. Cônego Vicente Miguel Marino, 378, Barra Funda.  

Tel.: 3569-7956

Horário de funcionamento: 18h30/1h (sáb., 15h30/1h; fecha domingo)

Ficou com água na boca?