Restaurantes e Bares

Restaurantes e Bares

Nhoque da fortuna: veja onde comer o prato em São Paulo

Acredita na lenda do nhoque da sorte? Confira seleção de endereços para saborear o prato neste dia 29

29 de abril de 2022 | 05:00 por Cintia Oliveira, especial para o Estadão

Noque de batata-doce roxa do Piccini Cucina

Noque de batata-doce roxa do Piccini Cucina Foto: Raul da Mota

Para os supersticiosos de plantão, todo dia 29 é sinônimo de nhoque à mesa. A simpatia,  para atrair sorte e prosperidade, consiste em colocar uma cédula de qualquer valor embaixo do prato e comer sete bolinhas de gnocchi em pé - melhor deixar essa parte para quando for fazer em casa ou pedir o prato no delivery. 

Diz a lenda que o ritual surgiu com São Pantaleão, que vagava por uma aldeia italiana vestido de mendigo. Quando sentiu fome, bateu na porta de uma família muito simples, que compartilhou com o pouco que tinha - mais precisamente sete bolinhas de nhoque. Para a surpresa de todos, São Pantaleão deixou moedas de ouro embaixo dos pratos de cada um deles.

+ Receitas para fazer no dia do nhoque da fortuna  

Se a simpatia funciona ou não, já é outra história - e vai da crença de cada um. Mas os entusiastas da receita italiana têm a sorte de encontrá-la nas mais diversas versões, pelos cardápios dos restaurantes da capital paulista. A seguir, confira algumas sugestões de endereços onde provar o prato. 

De batata e fécula, servido com cogumelos, legumes e creme de funghi no Fattoria 

De batata e fécula, servido com cogumelos, legumes e creme de funghi no Fattoria  Foto: Angelo Dal Bó

Fattoria Ráscal 

A versão da chef italiana Nadia Pizzo, que comanda a cozinha do grupo Ráscal, servida no restaurante de inspiração mediterrânea, tem como base apenas fécula e batata, que deixa a massa com textura macia e delicada. Depois de cozidos, são levemente tostados e envolvidos por um aveludado creme de funghi. O nhoque chega à mesa com cogumelos, brócolis e quiabo tostados (R$ 58).  

Onde: Al. Santos, 2152, Cerqueira César (Conjunto Nacional). 91021-3139. 12h/ 16h e 19h/ 23h (sáb. 12h/ 17h e 19h/ 23h. dom. 12h/ 17h e 19h/ 22h). Delivery pelo iFood.

Locale Trattoria 

A receita do chef Igor Witer, que assina o menu da trattoria pertencente ao mesmo grupo do vizinho Locale Caffè, tem como base batata asterix assada e uma quantidade mínima de farinha de trigo, só o bastante para dar o ponto da massa. Já o molho é feito com ossobuco assado em baixa temperatura por oito horas e desfiado, além de vinho cabernet sauvignon, tomate pelado e manjericão (R$ 68).     

Onde: R. Manuel Guedes, 369, Itaim Bibi. 3071-0482. 12h/ 15h e 19h/ 0h (sex. e sáb. 12h/ 0h. dom. 12h/ 18h). 

Nhoque com molho de ossobuco no Locale 

Nhoque com molho de ossobuco no Locale  Foto: Mario Rodrigues

 

Bistrô Charlô 

O restaurante oferece no cardápio uma versão à francesa do nhoque, batizado como carbonara do Charlô (R$ 72). Apesar do nome, o molho que envolve a massa, à base de batata asterix, não tem nada a ver com a clássica carbonara italiana. É feito com creme de leite, bacon, vinho branco, parmesão e finalizado com ciboulette picada. E chega à mesa ostentando uma gema de ovo caipira crua por cima. 

Onde: R. Barão de Capanema, 450. 3086-1234. 12h/ 15h e 19h/ 23h (qui. 18h/ 23h. sex. 12h/ 15h e 19h/ 23h30. sáb. 12h/ 16h30 e 19h/ 23h30. dom. 11h/ 17h). Delivery pelo iFood. 

No Charlô, versão à francesa do nhoque, batizado como carbonara do Charlô 

No Charlô, versão à francesa do nhoque, batizado como carbonara do Charlô  Foto: Murilo Mendes

 

Mesa III

A cada dia 29, a chef Ana Soares oferece em sua rotisserie uma versão diferente para o nhoque - a série de receitas recebe o nome sugestivo de “nhoque dá sorte”. A versão servida nesta sexta (29) tem como base ricota de búfala e berinjela assada e defumada (R$ 57,50, 500 g). E a sugestão de Ana é acompanhá-lo com molho rústico de tomates tostados com ervas (R$ 57, 500ml).

Onde: R. Doutor Paulo Vieira, 21, Sumaré. 3868-5500. 9h/ 19h (sáb. 9h/ 16h. dom. 9h/ 14h). Delivery próprio.  

Nhoque de ricota de búfala e berinjela assada e defumada do Mesa III

Nhoque de ricota de búfala e berinjela assada e defumada do Mesa III Foto: Lucas Terribili

 

Modern Mamma Osteria

As duas unidades do restaurante, sob o comando dos chefs Paulo Barros e Salvatore Loi, oferecem no cardápio uma versão de nhoque na qual a massa, elaborada com batatas, é selada na frigideira até formar uma crostinha dourada e crocante. Servido com ragu de lulas e molho de tomate, chega à mesa com rúcula e é finalizado com raspas de limão-siciliano (R$ 65).

Onde: R. Manuel Guedes, 160, Itaim Bibi. 93083-8387. 12h/ 15h e 18h30/ 23h (sáb. 12h/ 23h. dom. 12h/ 21h). 

Nhoque de batata dourado com lulas do Modern Mamma 

Nhoque de batata dourado com lulas do Modern Mamma  Foto: Rodolfo Regini

 

Cór

Embora as carnes dry aged (de maturação à seco) sejam as protagonistas do restaurante,  que tem a consultoria do chef peruano Renzo Garibaldi e a cozinha comandada por Matheus Fernandes, o cardápio também abre espaço para sugestões como o nhoque de abóbora, que é servido com ricota defumada, castanha de caju, creme de abóbora e é finalizado com azeite de hortelã (R$ 69)   

Onde: Praça São Marcos, 825, Alto de Pinheiros. 3726-2908. 12h/ 15h30 (ter. a qui. 12h/ 23h. sex. e sáb. 12h/ 0h. dom. 12h/ 18h). Delivery pelo iFood. 

Banzeiro 

No cardápio da filial paulistana do restaurante, com sede em Manaus (AM), o chef Felipe Schaedler apresenta uma versão repleta de brasilidade para o clássico nhoque. Em vez de batata, a banana-da-terra assada na brasa serve como base da massa, que é selada e, depois, envolvida por um creme de queijo grana padano. Chega à mesa com cogumelos frescos (R$ 64).        

Onde: R. Tabapuã, 830, Itaim Bibi. 2501-4777. 12h/ 15h30 e 19h/ 23h30 (sáb. 12h/ 16h30 e 19h/ 0h. dom. 12h/ 16h30). Delivery pelo iFood. 

Nhoque de banana com fonduta de queijo grana padano do Banzeiro

Nhoque de banana com fonduta de queijo grana padano do Banzeiro Foto: Rubens Kato

 

Piccini Cucina 

A versão elaborada pela chef Uélita Bertani foge um pouco do clássico ao utilizar batata-doce roxa como base do nhoque. A massa, entremeada por pedacinhos de azeitonas, é envolvida em um molho à base de limão e chega à mesa com camarões e aspargos grelhados (R$ 98). 

Onde: R. Vitório Fasano, 49, Cerqueira César. 3476-3376. 12h/15h e 19h/0h (6ª a dom. 12h/16h30 e 19h/0h. Fecha 2ª).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Ficou com água na boca?