Paladar

Restaurantes e Bares

Restaurantes e Bares

Teste de delivery: filet au poivre

Há ótimos exemplos em SP do prato francês, provamos o delivery de quatro restaurantes

12 de maio de 2021 | 05:00 por Patricia Ferraz, O Estado de S.Paulo

Um dos pratos franceses mais célebres, o filet au poivre tem autoria disputada, sem provas. Há inclusive uma versão maldosa para sua origem. Teria sido criado em Paris, no século 19, para agradar o paladar dos turistas americanos, que, após tantos coquetéis antes da refeição, só conseguiam sentir o sabor do prato se fosse forte. A história pode até ser divertida, mas o fato é que o hábito de usar pimenta começou na Antiguidade, para disfarçar o sabor da carne que não estava fresca. Milênios depois, restaurantes franceses pelo mundo todo preparam a receita com a carne mais nobre e fresca possível.

Steak au poivre do Parigi Bistrot

Steak au poivre do Parigi Bistrot Foto: Leo Feltran

Em São Paulo, há ótimos exemplos. Testei o delivery de quatro de meus favoritos e os resultados não poderiam ter sido melhores: o prato viaja bem e é fácil de esquentar. 

Ici Bistrô 

O filé alto é bem temperado e bastante picante (o mais picante da seleção), mas sem exagero. Carne e molho vêm separadas do gratinado de batatas laminadas com creme, o que garante a integridade de ambos. Você escolhe o ponto da carne. O gratinado é delicioso, mas tão farto que derramou um pouco na viagem. R$ 89 no iFood. 

Le Jazz

O prato é preparado em duas versões, mais alto, com mignon (R$ 78), ou com baby-beef (R$ 67,50), também macio e saboroso, embora mais baixo. A carne vem sozinha numa embalagem, as pimentas estão no molho, embalado à parte. Os acompanhamentos também chegam separados, espinafre refogado, mostarda Dijon, purê ou fritas. A embalagem de papelão pode ir direto ao micro-ondas, o que facilita. No iFood. 

La Casserole 

É o filet au poivre mais tradicional e um dos melhores da cidade. O prato não perdeu a linha em nenhum momento da história do restaurante, que funciona no Largo do Arouche desde 1954. Pimenta equilibrada, molho saboroso, espesso e brilhante, com grãos de pimenta verde grandes. Vem com batatas bolinha cozidas com molho de creme. Batata e carne chegam separadas. R$ 84 no iFood (se estiver fora da área, entrega direta com motoboy).

Bistrot Parigi 

Impecável e caro. Filé alto, temperado com suavidade, chega com a crosta delicada, textura macia e cor o interior rosado. O molho é escuro, brilhante, levemente encorpado e agradavelmente picante com grãos de pimenta-do-reino fartos mas sem exagero. O purê de batatas, que serve de acompanhamento, é de comer às colheradas. R$ 174 no iFood. 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Ficou com água na boca?