Paladar

Restaurantes e Bares

Restaurantes e Bares

Teva, um restaurante de vegetais

Vegano carioca chega a São Paulo cheio de estilo, com bar bem abastecido e uma cozinha sofisticada que passa longe do estereótipo de casas naturebas

24 de abril de 2019 | 18:45 por Renata Mesquita, O Estado de S.Paulo

No toldo, logo na entrada da casa da Rua Cônego Eugênio Leite lê-se em letras garrafais “restaurante de vegetais”. Sim, Pinheiros acaba de ganhar mais um restaurante vegetariano, ou melhor, vegano.

Fachada do novo Teva, restaurante vegano em Pinheiros 

Fachada do novo Teva, restaurante vegano em Pinheiros  Foto: JF Diório/Estadão

É o Teva, casa carioca que inaugurou por aqui na última semana, onde não entram carne, leite, ovo, manteiga, gelatina, mel ou qualquer outro produto de origem animal. Mas não se apegue aos estereótipos, esse não será apenas o lugar que você vai levar seu amigo vegetariano ou frequentar quando quer fazer um “detox”. De natureba e careta ele não tem nada. 

A começar pelo ambiente, é mais um restaurante descolado da região, luz (excessivamente!) baixa, cheio de plantas, chão de cimento queimado mesclado com pastilhas antigas e um bar com balcão com todos os aparatos e garrafas para fazer drinques. Nesse primeiro momento, a casa só abre a noite. 

A ideia dos sócios, o chef Daniel Biron e o empresário Daniel Oelsner, é ser um restaurante de boa gastronomia como qualquer outro, que serve comida bem feita, boas cartas de drinques e vinhos e serviço atento. Para ir a qualquer dia em qualquer ocasião.

Tofu picante grelhado com molho de pimenta Gochujang sobre creme de edamame e hortelã

Tofu picante grelhado com molho de pimenta Gochujang sobre creme de edamame e hortelã Foto: JF Diório/Estadão

Alinhado ao discurso da sustentabilidade, usa o máximo de produtos orgânicos, sazonais e provenientes de pequenos produtores, não utiliza canudos de plástico nem garrafas de água (tanto a natural quanto a com gás saem filtradas de uma torneira), e pela mesma razão não tem cerveja, apenas chope. Mas o Teva vai além. É o primeiro restaurante certificado com o selo B do Brasil. Isso significa que além da consciência ambiental, a casa busca causar impacto positivo na sociedade. 

Mas de pouco importa tudo isso se a comida não é boa. E no relativamente extenso menu é fácil se pegar na dúvida. Dá vontade de pedir de tudo um pouco. E isso, no caso, é ótimo, porque a proposta ali é compartilhar.

Brócolis grelhados na churrasqueira, que dá sabor e ponto ao vegetal, com molho deusa verde e gergelim branco 

Brócolis grelhados na churrasqueira, que dá sabor e ponto ao vegetal, com molho deusa verde e gergelim branco  Foto: JF Diório/Estadão

Vale começar com o carpaccio de cogumelos portobello (R$ 42) com molho de ervas, lascas de tremoço desidratado (que fazem as vezes do parmesão) e picles de cebola. A mezze (R$ 28) leva queijo de castanha com tomate seco – que afasta qualquer preconceito em relação aos “queijos” de nuts que se vê por ai, esse tem textura e sabor; conserva da casa e azeite com infusão de especiarias. Mas a melhor parte da mezze é o pão romano que a acompanha. Vem do Rio de uma pequena padaria artesanal, super macio, saboroso, e sim, com glúten.

Não deixe de pedir o brócolis (R$ 28) grelhado na churrasqueira besuntado em molho deusa verde e gergelim branco. E para dar mais sustância, experimente o tofu (R$ 40) picante grelhado com molho de pimenta gochujang sobre creme de edamame e hortelã.

Em uma brincadeira com o peixe do dia que aparece em cardápios por ai, o vegetal do dia (R$ 28) é uma criação de Biron à base de verduras e legumes frescos na semana. Pode ser uma abobrinha com pesto trapanese, como no dia da visita. 

Abobrinha com pesto trapanese, que combina tomate, alcaparra e nozes, finalizado com farinha panko. Sugestão de legume do dia do chef Daniel Biron

Abobrinha com pesto trapanese, que combina tomate, alcaparra e nozes, finalizado com farinha panko. Sugestão de legume do dia do chef Daniel Biron Foto: JF Diório/Estadão

Para beber uma extensa lista de drinques, variadas gim tônicas, das torneiras seam chope e kombucha e uma carta de vinhos com mais de 20 rótulos entre espumantes, tintos, brancos e laranjas, todos naturais, biodinâmicos e orgânicos.

SERVIÇO

TEVA

R. Conêgo Eugênio Leite, 539, Pinheiros

Horário de funcionamento: 18h/0h

Tel.: 3062-8257

Ficou com água na boca?