Paladar

Receitas

Receitas

Fernando Sciarra|Estadão
Fernando Sciarra|Estadão

Prato do Dia

Patrícia Ferraz

Torta de maçã verde e massa filo

Confira essa deliciosa receita de torta de maça

por Patrícia Ferraz

A torta de maçã da foto parece elaborada. Mas é só impressão. Ela é muito simples de fazer. A base é a massa filo pincelada com manteiga e açúcar e o recheio de maçãs verdes cozidas numa calda de açúcar, água e um pouco de manteiga e conhaque. A massa filo fica superleve e muito crocante e o recheio não é muito doce. O ideal é servir quente, com sorvete de creme.

Preparo

1Descongele a massa filo, mas use ainda bem fria. Ela não pode estar em temperatura ambiente, senão se rompe com facilidade.
2Lave e seque as maçãs. Descasque-as e corte em fatias grossas. Se não for usar imediatamente ponha um pouco de suco de limão nelas.
3Ponha uma xícara de açúcar numa frigideira alta, espere derreter. Misture 30g de manteiga e a água e mexa bem. Não deixe escurecer demais nem ficar muito espessa.
4Ponha as fatias de maçã na calda, mexa. Peneire um pouco de açúcar por cima e deixe cozinhar.
5Quando as maçãs estiverem macias, ponha o conhaque, mexa e deixe cozinhar até reduzir a calda. O recheio tem de ser úmido, mas não pode ter líquido para não encharcar a massa.
6Derreta a manteiga restante à parte e adicione uma colher de açúcar. Mexa e reserve.
7Unte uma assadeira redonda de fundo removível com manteiga. Ponha uma folha de massa filo. Pincele a manteiga derretida sobre ela e deixe parte da massa para fora da assadeira. Ponha outra folha por cima, deslocando um pouco para que a massa sobre em outro lado. Repita o procedimento usando cinco folhas, pincelando antes de colocar a seguinte.
8Ponha as maçãs cozidas no centro da massa. Cubra com uma folha de massa e puxe as partes da massa que ficaram para fora da assadeira, virando-as para dentro, deixando propositalmente bagunçadas e com pontas em diferentes lugares sobre o recheio. Pincele manteiga com açúcar por toda a superfície, sem encharcar.
9Asse em forno preaquecido a 180°C até dourar bem a massa (uns 25 minutos). Sirva quente.

Dica da sommelière Daniela Bravin

Recomendo o Falernia Late Harvest Moscatel/Sémillon (R$ 40,74, 500 ml, Premium) fresco e doce na medida certa; ou o Luigi Coppo Moscato d’Asti Moncalvina 2007 (R$ 70, na Mistral); ou, ainda, o alegre Coteaux du Layon 2006 Château de la Mulonnière (R$ 114, 27, na Vinci).

Ficou com água na boca?